11 de agosto, Dia do Advogado, a Balança Necessária para o Equilíbrio.

1
377

Advogado é o profissional responsável por representar os direitos dos cidadãos perante à Justiça.

Dia 11 de agosto é o Dia do Advogado em homenagem à memória da criação das duas primeiras faculdades de Direto do Brasil em 1827.

Esta data, também, é conhecida como o Dia da Perdura. Pois muitos profissionais da Justiça e estudantes de Direito comem em restaurantes e saem, de fininho, sem pagar a conta. O padroeiro dos advogados é Santo Ivo, que foi um profissional da lei, que defendia os pobres.

Reza a lenda que numa noite, bem na data do seu aniversário, ele estava viajando sem dinheiro. Então avistou uma hospedaria e falou ao dono que era advogado, porém estava sem condições financeiras.  Por isto, pediu comida de graça nesta hospedaria velha que estava caindo aos pedaços e quase falindo. O proprietário realizou seu desejo.

Na manhã seguinte o dono notou que sua hospedaria foi reformada, da noite para o dia, e novos clientes passaram a chegar do nada. Depois deste acontecimento, Ivo e os outros advogados passaram a ganhar comida, de graça, um dia por ano nos estabelecimentos. Dizem que este causo deu origem ao Dia da Perdura.

Esta lenda chegou ao Brasil e os advogados escolheram o Dia 11 de agosto, quando é comemorado o dia deles, para comer sem pagar em restaurantes. Afinal, no Primeiro Império, esta gentileza no Dia do Advogado era oferecida, espontaneamente, pelos próprios donos dos restaurantes. Porém, anos depois, os proprietários de casas alimentícias tentaram suspender esta festa gratuita. Mas o costume já tinha virado tradição e não conseguiram voltar trás.

Hoje, alguns proprietários de restaurantes não aceitam a tradição e chamam a polícia, fato que quase sempre termina em acordo entre advogados e donos. Já outros dão descontos aos advogados, com o objetivo de evitar um prejuízo maior.

Muitos restaurantes fecham no dia de agosto, preferindo perder um dia de lucro a ter um dia de prejuízo. Mas algo que ainda hoje é mantido pelos advogados é a de não estender o calote aos garçons: os 10% precisam ser pagos.

A profissão de advogado exige bastante estudo e esforço porque a função envolve o “conjunto de normas jurídicas vigentes num país, criadas com o objetivo de solucionar conflitos da sociedade”.

As leis surgem separadas dos códigos que se encaminham para diversas áreas como: civil, penal, trabalhista, constitucional, administrativo, tributário, internacional, ambiental, digital, público e privado, de propriedade intelectual e de arbitragem internacional, que precisam ser respeitados e seguidos pelos profissionais da área judicial.

Os recém-formados em Direito podem escolher duas carreiras, a de advogado ou a carreira jurídica.

Para trabalhar como advogado, depois da finalização do curso de Direito, o formando precisa fazer o exame da OAB – Ordem dos Advogados do Brasil, precisando passar para exercer a profissão.

Já a carreira jurídica é aquela onde o sujeito trabalhará como funcionário público, através de concursos públicos, podendo realizar as profissões de delegado, juiz, promotor, procurador, diplomata, etc..

Saiba mais: Dia 11 de agosto também é comemorado dia do Garçom.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here