5 Passos para inovar nos negócios com a Estratégia do Oceano Azul.

2
44
Imagem artigo oceano azul

No último artigo “Inovação estratégica – para tornar a concorrência irrelevante” falei sobre a Estratégia do Oceano Azul e como ela é importante para trazer diferenciação a sua empresa.

Se você ainda não leu, vale a pena conferir, pois o artigo de hoje vai tratar justamente sobre como colocar tudo isso em prática em apenas cinco passos!

O Oceano Azul é uma técnica de Planejamento Estratégico que ensina a investir nos setores inexplorados do mercado, atraindo clientes e expandindo os negócios através da oferta de produtos e serviços inovadores.

A técnica do Oceano azul trata especificamente sobre saber onde direcionar seus esforços de maneira a gerar atributos de valor para seu negócio reconhecidos pelo público. Isto é diferenciação!

O primeiro passo é definir os objetivos de sua empresa.

E aqui o mais importante é definir se sua empresa se posicionará como líder de mercado ou como seguidor. Pois, de acordo com esta definição, a sua estratégia será diferenciada.

É importante falar aqui que não há problema algum em ser seguidor das tendências do mercado! Este é um tipo de posicionamento de mercado, que te coloca no oceano vermelho, onde a concorrência é gigantesca.

Não é do que estamos tratando aqui. A técnica do oceano azul é para empresas que querem se destacar pela inovação, que querem lançar novas tendências. É apenas uma questão de posicionamento.

Por isso a importância de ter o objetivo da sua empresa definido. Ao lançar uma nova tendência, após um algum tempo é possível que sua estratégia comece a ser copiada pelas empresas que se posicionam como seguidores das tendências do mercado.

E então você precisará inovar novamente, e sempre. Estar sempre à frente do mercado. É disso que se trata a estratégia do oceano azul.
Estar consciente do objetivo da sua empresa é de suma importância. Por isso, defina quem você quer ser no seu mercado, líder ou seguidor?

O segundo passo é compreender o seu mercado.

É preciso conhecer profundamente seu mercado e saber qual é a real situação da empresa frente ao que os consumidores esperam ou gostariam.

Quais produtos são mais valorizados neste nicho, e principalmente, qual a necessidade destes consumidores ainda não foi contemplada?

O terceiro passo é aprender com outras empresas.

Em especial de outros ramos de atividade. A esta prática chamamos de Benchmarking. Consiste no processo de busca das melhores práticas numa determinada área de mercado e que conduzem a um desempenho superior.

Uma vez compreendido o seu mercado, é preciso superar o mercado existente, não meramente repetir o que já se está fazendo. Mesmo referências de qualidade não devem ser inteiramente copiadas, pois isso não criaria diferenciação. Lembra que falei lá em cima sobre ser líder ou seguidor?

Busque referências em outras áreas também. Por exemplo, traga uma ou duas ideias importantes de uma empresa de logística, para que isso ajude você a entregar melhor seu produto ou serviço.
É preciso inovar, e nada melhor que trazer boas ideias de outros mercados.

O quarto passo é organizar sua estratégia.

É preciso pensar nos grupos estratégicos dentro do seu nicho e como chegar até eles através de um marketing eficaz.

Utilizar os dados colhidos nos passos anteriores sobre o mercado, sobre os consumidores e sobre os não-consumidores a fim de traçar uma nova estratégia.

Faça uma lista com os principais atributos de valor que fazem com que seus concorrentes diretos e as empresas de outros setores se diferenciem.

Então, realize as “Quatro Ações”, elencadas pelos idealizadores da Estratégia do Oceano Azul, através da matriz ERAC:

Quatro Ações
O Quinto e último passo

É monitorar e revisar sua estratégia constantemente. São os indicadores de desempenho que irão lhe informar quando é necessário incrementar e melhorar sua estratégia. Onde e quando investir mais ou menos.

O Oceano Azul que você criará com esta técnica hoje vai atrair concorrentes e seguidores de mercado amanhã, que passarão a imitar sua empresa. Por isso, é necessário estar sempre reavaliando sua estratégia e buscando novas formas de inovar.
Agora é mãos a obra!
Grande abraço e até a próximo artigo.

2 COMENTÁRIOS

  1. Olá.
    Parabéns pela matéria, a cada dia percebo que cresce a quantidade de mulheres competentes e capazes de quebrar tabus e vencer o preconceito de que apenas o público masculino tem competência.

    É um prazer enorme eu poder estar aqui com vocês na familia da REVISTA A EMPREENDEDORA, que traz conteúdo sensacional e um layout super moderno e atrativo para as leitoras.

    Alessandra Batista (Colunista)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here