Dia da Enfermeira, Doze de Maio

0
222

A enfermeira é uma profissional que, basicamente, cuida das pessoas. Ela auxilia o paciente garantindo seu bem-estar durante o tratamento de enfermidades e internações hospitalares.

Desde a Idade Antiga a profissão de enfermeira é reconhecida por aquelas que cuidavam de doentes, idosos e deficientes.

Na Idade Média a Enfermagem era exercida por freiras como parte do sacerdócio.

Mas foi a partir de meados do século XVI que a Enfermagem passou a ser vista como uma profissão formal.

Hoje, existem três tipos de enfermeiras: a auxiliar de enfermagem, a técnica em enfermagem e a enfermeira com graduação.

A auxiliar de enfermagem faz um curso no qual aprende sobre alimentação e cuidados básicos de higiene.

Ela pode exercer atividades como: aplicar injeções, dar vacinas, administrar remédios e realizar curativos.

A técnica em enfermagem precisa fazer um curso de nível médio para conseguir o certificado. Ela pode exercer atividades como: esterilizar instrumentos para operações, coletar material para exames e calcular a dosagem da medicação.

A enfermeira com graduação é a profissional que comanda as atividades das técnicas e auxiliares. Ela precisa de uma faculdade de Enfermagem. Esta profissional pode atender pacientes, e, também trabalhar com administração hospitalar.

Com o certificado de bacharel em Enfermagem, nas mãos, a profissional ainda precisa fazer um cadastro no Conselho Regional de Enfermagem para obter um registro profissional.

Dia doze de maio é comemorado o Dia da Enfermeira em homenagem à Florence Nightingale, que nasceu no dia 12 de maio de 1820. Florence, quando era criança, gostava de estudar línguas, escrever poemas, ajudar no comércio da família, cuidar de idosos e animais. Na adolescência fez parte de grupos feministas da época. Ainda jovem, estudou Enfermagem. Florence se destacou por organizar e chefiar uma equipe de 38 enfermeiras voluntárias que foram para a guerra de Crimeia onde cuidaram dos militares feridos. Naquela época, ela ficou conhecida como Dama da Lâmpada, pois usava este instrumento para atender os pacientes de madrugada. Mais tarde ela fundou a Escola de Enfermagem do Hospital São Thomas. Só depois do ativismo de Florence, a Enfermagem recebeu, realmente, um reconhecimento profissional por autoridades do mundo inteiro. Esta enfermeira também escreveu livros sobre Enfermagem e Estatística.

No final de sua vida, Florence foi suspeita de possuir Fibromialgia, síndrome que causa dores no corpo e fadiga. [1] Por isto 12 de maio além de ser o Dia da Enfermeira, também, é a data da consciência da Fibromialgia. [2]

Reza a lenda que depois que Deus criou o médico, ele pegou as nuvens de algodão e fez uma enfermeira. Após isto, Papai do Céu disse para a nova criatura:

  • Você será um anjo de branco que auxiliará os médicos nas suas funções.

Infelizmente a figura da enfermeira, nas últimas décadas, foi muito erotizada pela indústria da pornografia. Segundo alguns psicólogos e psiquiatras, a figura da enfermeira é afrodisíaca, para alguns homens, por causa de seu retrato angelical e vontade de fazer o bem. Porém nada justifica a falta de respeito e a erotização, destas profissionais, pela sociedade. Afinal as enfermeiras merecem respeito.

Como empreendedoras, podemos aproveitar esta data para vendermos nossos produtos através de propagandas como:

  • 12 de Maio é da Enfermeira. Por isto presenteie a sua enfermeira favorita, do posto de saúde, com os nossos excelentes produtos.

Referências:

  1. http://aempreendedora.com.br/fibromialgia-cronica-de-uma-doenca-cronica/
  2. http://aempreendedora.com.br/fibromialgia-liberte-se-com-sais-minerais-e-terapias/

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here