Ginástica laboral – Benefícios aos empregados e patrões

2
255

A ginástica laboral é um programa de exercícios que tem como objetivo prevenir doenças como LER (lesão por esforço repetitivo) e DORT (doenças osteo articulares relacionadas ao trabalho), evitar o stress físico e psicológico no ambiente de trabalho e incentivar os trabalhadores à prática da Atividade Física para uma melhora na sua qualidade de vida, saúde e bem estar.

LER e DORT são movimentos repetitivos, em grande frequência e em posição ergonômica incorreta, podendo causar lesões de estruturas do Sistema tendíneo, muscular e ligamentar.

Nesse programa são realizados exercícios de Alongamento e movimentos articulares para relaxamento e aumento da mobilidade das articulações e músculos específicos utilizados no ambiente de trabalho, assim como melhora da Postura. Com duração de quinze a vinte minutos e realizados no ambiente de trabalho, tem como finalidade minimizar problemas causados pela rotina de trabalho como movimentos repetitivos, cansaço e tensão localizada, postura incorreta, ansiedade, sedentarismo e desmotivação que levam ao abstencionismo e falta de rendimento no trabalho.

Através de uma avaliação inicial, o profissional responsável analisa os movimentos realizados e erros posturais para realizar trabalhos específicos que atendam as necessidades físicas dos trabalhadores.

As classificações da ginástica laboral podem ser feitas pelo horário de realização, como:

  • Preparatória: tem como objetivo preparar o organismo para o trabalho físico, melhora a oxigenação tecidual, aumento de frequência cardíaca, melhora disposição e concentração. Nessa classificação tem a duração média entre 10 e 12 minutos, onde são realizados exercícios de coordenação, equilíbrio, concentração, flexibilidade e resistência muscular. Realizada no início das atividades.
  • Compensatória: realizada durante a jornada de trabalho, buscando o alívio de qualquer tensão muscular decorrente do uso excessivo da estrutura por má postura ou pelo esforço excessivo. Auxilia na remoção de resíduos metabólicos, correção postural e prevenção de fadiga muscular. Trabalha especificamente exercícios de correção de postura, flexibilidade, alongamentos e exercícios respiratórios.
  • Relaxamento: realizada ao final da jornada de trabalho, tem como principal objetivo o alívio de tensões e diminuição do estresse, onde são feitas automassagens, exercícios respiratórios, alongamentos e meditação.

As classificações da ginástica laboral também podem ser feitas através dos objetivos principais dos exercícios, como:

  • Ginástica corretiva/postural: relacionada ao equilíbrio entre as musculaturas agonista e antagonista, envolvendo alongamento e fortalecimento de musculaturas em pouco uso. Tem a duração média de dez minutos, podendo ser realizada todos os dias ou três vezes por semana.
  • Ginástica de compensação: objetiva a prevenção de adaptações e compensações posturais. São realizados exercícios simétricos e alongamentos por até dez minutos.
  • Ginástica terapêutica: objetiva o tratamento de distúrbios, patologias e alterações posturais, conforme as principais queixas. Necessita de um local apropriado e tem a duração média de trinta minutos.
  • Ginástica de manutenção/conservação: programa onde se busca manter os resultados decorrentes de um trabalho de condicionamento físico, após alcançar o equilíbrio muscular e as correções necessárias. Necessita de uma sala especial para o treinamento, utilizando o tempo de folga, com duração média entre quarenta e cinco e noventa minutos.

As empresas ganham com esse trabalho realizado pela Ginástica Laboral, pois passam a ter trabalhadores mais saudáveis e felizes no ambiente de trabalho sentindo-se valorizados e faltando menos por motivos de saúde ou stress. O rendimento geral aumenta e o ambiente de trabalho torna-se agradável com uma equipe unida e satisfeita.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here