Tendência –Repúblicas para Idosos

0
115

Com a expectativa de vida dos brasileiros aumentando a cada ano, temos que repensar nossa maneira de viver ao atingirmos a terceira idade.

Qualidade de vida, independência, facilidade de acesso aos serviços de saúde, ambientes adequados e seguros, companhia de pessoas conhecidas e na mesma faixa etária, sociabilidade, espírito de solidariedade e cooperação são algumas das características que vem atraindo pessoas a procurarem moradias compartilhadas para idosos, são as novas repúblicas.

Essa é uma tendência em matéria de moradia na Europa e já chegou ao Brasil. Como é o caso do Residencial Cidade Madura em João Pessoa, na Paraíba. O modelo de habitação gratuita, exclusiva para idosos, é de iniciativa do Estado. Composto por 40 casas com 54 m², o projeto é  todo adaptado: portas com largura de 1 m, banheiros com barras de apoio, corrimãos com cantos arredondados, pisos antiderrapantes, sem desníveis. Faz parte da estrutura do condômino: área de convivência, praça com equipamentos de ginástica ao ar livre, bloco de assistência à saúde, área para jardinagem e horta, salas para oficinas, área de administração e guarita. As pessoas pagam somente as despesas com água e luz. O atendimento aos idosos é feito por funcionários da Secretária de Saúde (enfermeiros, psicólogos, médicos). Esses funcionários não trabalham como cuidadores, os idosos moram sozinhos ou em casais e são independentes.

Outro exemplo é em São Paulo, no bairro de Paraíso. Localizado em uma região nobre, próximo a vários hospitais, clínicas e centros culturais da cidade. O Residencial Santa Catarina é uma espécie de flat com estrutura de hotel todo adaptado para os idosos. São 125 apartamentos mobiliados com áreas entre 38 e 42 m². Conta com serviços de hotelaria (recepção, lavanderia), nutrição (restaurante), enfermagem 24 horas, psicologia e atividades físicas (piscina, academia), sala de estar coletiva, solarium, jardim externo, capela, sala de jogos e sala de TV / Cinema. Esse condomínio tem todos os serviços de um hotel, com a privacidade e o conforto de uma residência, além do apoio de saúde necessário. Outra vantagem é deixar essas pessoas inseridas no convívio do bairro, ao invés de estarem isoladas em casas de repouso.

Fotos: Site Residencial Santa Catarina

Outra alternativa de habitação diferenciada são os condomínios horizontais com estrutura de hotelaria integrados com serviços prestados em clubes recreativos. Em São José do Rio Preto, interior de São Paulo, foi desenvolvido um empreendimento exclusivo para idosos com essas características. É uma associação chamada Agerip, sem fins lucrativos, em que os idosos compram um título e pagam mensalidade para morar ou só utilizar os serviços. Têm 3 opções de habitação: construir sua própria casa (área máxima de 160 m², projeto livre seguindo às normas de acessibilidade); morar nos apartamentos (quarto com banheiro, área 30 m²) ou morar nas suítes-flats (casas conjugadas com dormitório, banheiro, sala com mini-copa e garagem, área 60 m²). Os serviços de saúde oferecidos aos moradores são: enfermagem 24 horas, consultório odontológico, salas de fisioterapia e terapia em grupo. Atividades de convivência: hidroterapia, hidroginástica, natação, dança de salão, musculação, ginástica funcional, pilates, aulas de bordado, artesanato, pintura em tela, sala de  jogos, sala de cinema e coral. Além dos serviços de hotelaria: lavanderia, arrumação e limpeza diária, manutenção das unidades, salão de beleza, restaurante com supervisão de nutricionistas. O condomínio também organiza bailes, almoços especiais e excursões turísticas para os associados.

Fotos: www.hometeka.com.br

Esses são alguns exemplos de habitação para os idosos que querem continuar com sua autonomia e independência, sem depender de morar junto com familiares ou serem auxiliados por cuidadores.

Esse modo de viver é uma forma de envelhecer em comunidade, com conforto, qualidade de vida e dignidade.

 

Ana Paula R. Dias

Arquiteta e urbanista
Celular: (41) 9 9191-9329 WhatsApp
E-mail: anaprdias@hotmail.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here