Uma aventura pelas Serras Catarinenses

0
86

Em janeiro tive a oportunidade de conhecer a tão famosa serra do Rio do Rastro localizada no sul do estado, cortada pela rodovia SC-390, com muitas matas e cachoeiras, é um dos cartões postais do estado. Localizada no município de Lauro Müller, a mais de 1421 metros de altitude. Um mirante localizado em seu topo proporciona uma visão panorâmica.

foto 1

O percurso da rodovia SC-390 é caracterizado por subidas íngremes e curvas fechadas, coberta pela Mata Atlântica, com uma fauna bem diversa, com vários tipos de felinos de pequeno, médio e grande porte, uma viagem de 2.500 km sobre duas rodas, que nos proporcionou conhecer lugares maravilhosos.

foto 2

O percurso para chegar até lá é maravilhoso. As serras de SC são lindas, a temperatura é ideal para andar de moto.

A diversidade de vegetação, e cuidado que as pessoas que moram no caminho têm com a região é impressionante.

Viajar pelo sul do país realmente dá gosto, percebemos que até as casas mais simples são bem cuidadas, onde o jardim, a organização e a limpeza ao redor é prioridade. Não é à toa que o Sul está bem no conceito dos ecoturistas, no que diz respeito às praias e o campo.

Nossa viagem teve início na descida da Serra Rastro da Serpente no Vale do Ribeira – Portal Capão Bonito até Curitiba, onde pernoitamos. No dia seguinte seguimos para Urubici – SC, onde visitamos alguns pontos turísticos, como o Morro da Igreja a Serra do Corvo Branco, a Gruta Nossa Senhora de Lourdes, Pedra Furada, lugares espetaculares.

foto 3

A serra do Corvo Branco, possui uma fenda de mais de 90m de altura que foi cortada a braço pelo homem. Apesar de não ser natural vale a pena conhecer é impressionante.

foto 4

O Morro da Igreja, quando chegamos não se via nada, a neblina nos impossibilitava de ver qualquer paisagem, o frio o vento era intenso, mas não estávamos com pressa, ali sentei e esperei, quando de repente o tempo abriu, como uma cortina que se abre diante dos nossos olhos, nunca tinha visto nada parecido.

foto 5

No outro dia seguimos para a Serra do Rio do Rastro com o coração apertado pois a estrada estava interditada, ficamos horas e horas na expectativa de liberarem, aproveitamos para fazer novos amigos, motociclistas ansiosos compartilhando o mesmo sentimento de emoção, por volta das 14 horas liberaram a pista e fomos os primeiros a descer.

Nestes locais de serra o tempo pode virar a qualquer momento, tanto é que quando chegamos ainda dava para ver toda a beleza da serra com as diversas curvas. A descida é muito segura, lógico que tem que descer bem devagar e aproveitar para apreciar a paisagem. Tem curvas que fazem 90 graus. Se quiserem parar para fazer fotos, em alguns pontos tem um mirante. Agora tem que tomar muito cuidado, porque tem alguns caminhoneiros que descem muito rápido, e carros do lado contrário na pista subindo em velocidade não muito segura, infelizmente não tivemos a oportunidade de conhece-la a noite, mas dizem que é impressionante ver a serra iluminada.

foto 7

Se vierem para esta região não deixem de fazer este percurso, tanto de dia como de noite, não vão se arrepender é inesquecível, mas para quem quer curtir mesmo tem diversos passeios como: trilhas e cachoeiras.

E no inverno se preparem, pois, o frio é intenso.

No mirante tem câmeras que mostra a beleza da serra ao vivo.

Acessar o site  www.serradoriodorastroaovivo.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here