Vistoria na entrega das chaves do imóvel.

1
286

Muitos conseguiram realizar o sonho da casa própria, e muitos não veem a hora de receber as chaves do imóvel para chamar aquilo de seu. A empolgação e emoção de estar dentro da sua casa é tanta que se esquecem de prestar atenção na vistoria de entrega. Mas você sabe para que serve essa vistoria e o que realmente deve-se olhar na entrega de chaves?

Não existe lei que obrigue as construtoras a fazer essas vistorias junto ao proprietário, portanto já virou praxe para apartamento adquiridos em plantas. É interessante que no contrato de compra e venda tenha uma cláusula vinculando a entrega das chaves com a vistoria, gerando uma segurança para o comprador.

Essa vistoria do ponto de vista da construtora tem o intuito de transferir a posse para o proprietário, onde a partir daquele momento ele se torna responsável pelos pagamentos de taxas condominiais e impostos. Mas o comprador pode usar isso a seu favor e exigir que tudo que foi prometido na hora da compra em planta esteja em total acordo com o que foi entregue.

As chaves devem ser entregues após o habite-se (Certificado de vistoria e conclusão de obra) que é emitido pela prefeitura. Explicando de forma simples, esse documento mostra que a construção está regularizada junto a prefeitura e que a partir daquele momento ela pode ser habitada, por isso “habite-se”.

Bom, com tudo certo, caneta e papel na mão e vamos a vistoria!

O primeiro item que não pode faltar em mãos é o memorial descritivo do apartamento, fornecido junto com o contrato de compra e venda, onde lá se descreve tudo que o apartamento terá, louças, metais e revestimentos. Isso é importantíssimo para conferência.

Para que a análise se torne mais fácil, vamos separar em 3 partes: teto, parede e piso.

Teto – Analise se em todos os cômodos existem pontos de luz; se o gesso ou laje não possui fissuras, e se a pintura está em perfeito estado, em caso de manchas pode significar infiltrações.

Piso – Verificar se todos os pisos estão bem assentados e se não tem barulho de “oco”. Pode-se levar um cabo de vassoura e bater piso por piso. Verificar o rodapé, caso tenha. E o mais importante as caídas de água no piso. Muitas pessoas precavidas levam baldes, ou bolinha de gude para ver se a caída da cozinha, lavanderia, banheiros e sacadas escoam para o ralo.

Parede – Verificar se todas as portas e janelas abrem e fecham com facilidade, e se estão em perfeito estado, exija a entrega de todas as chaves. A Pintura das paredes tem que estar em perfeito estado, sem trincas e com acabamento em perfeito estado.

Abra todas as torneiras e deixam cair a agua por dois minutos para que consigam ver se há algum vazamento nos sifões. Acione a descarga e analise se a vazão de água é satisfatória.

A energia elétrica não dá para ser verificada pois ainda não foi instalada o medidor de energia, mas anote no check list da construtora que esta não foi testado.

Garagem – Verifique o tamanho da garagem com a trena, pois muitos dos empreendimentos são entregues com garagem menores do que o prometido. Fique atenta.

Finalizada a vistoria, anote tudo o que observou no check list da construtora, fotografe e guarde como documento. A construtora tem trinta dias para reparar os danos ou para providenciar os reparos.

Tatiane Dias

Arquitetura e urbanista, especialista em iluminação e em projeto de interiores

Contato: (43) 9 8421-2528 / WhatsApp
E-mail: tatiarquiteta@hotmail.com

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here