60% dos brasileiros compram por impulso, você faz parte deles?

1
31
Compras por Impulso

Pesquisa do SPC – Serviço de Proteção ao Crédito e da Confederação de Dirigentes Lojistas mostra que 60% dos brasileiros compram por impulso e 15% parcelam no maior número de vezes possível. E você? Faz parte dos 40% ou dos 60%?

Ontem mesmo era dia 1º de janeiro e a maioria das pessoas traçou metas e objetivos relacionados a área financeira. Você é uma dessas pessoas?

Um terço do ano já se passou, qual deles você já cumpriu? Quais as suas atitudes até aqui para cumpri-los?

Foi só a crise dar uma aliviada, os juros baixarem e a oferta de crédito aumentar que os brasileiros provaram que nada foi aprendido com o período mais duro.

Consomem por impulso, não racionalizam as compras e continuam usando o “o ter, e ter agora” como recompensa para o mau dia, para a vida difícil, para os problemas em casa ou no trabalho ou simplesmente para preencher o vazio inexplicável.

O que essas pessoas não sabem é um grande segredo que agora vou revelar:

Elas estão só criando mais problemas, porque os que já tem se resolvem com terapia, atitudes, mudanças de comportamento, conversas com amigas, atividades relaxantes, noites de sono ou até mesmo com a domesticação de um unicórnio. MAS NÃO SE RESOLVEM COMPRANDO!

Isso é de domínio público. Eu sei, você sabe todo mundo sabe! Então, por que? Por que? Por que as pessoas simplesmente compram?

Inconsequência, imediatismo, falta de hábito em planejar o futuro, dificuldade em lidar com orçamento, acreditar que faz as contas de cabeça, ignorância sobre o quanto ganha e o quanto gasta, crença de que precisam de determinadas produtos ou serviços.

São muitas as respostas e para cada uma delas existe uma solução diferente.
Cabe a cada uma identificar o seu motivo, a sua fraqueza e buscar ajuda, pois para tudo existe uma profissional que pode te ajudar. Uma terapeuta, uma Coach, uma Consultora Financeira.

Não controlar seus gastos te traz um alívio imediato, mas as consequências podem ser catastróficas.

Não faça parte dos 60%, acredite que você pode controlar seus impulsos e suas finanças.

Comece fazendo algo muito simples: Deixe sempre a compra para amanhã e antes de fazê-la se pergunte se realmente você precisa.

Desfrute da deliciosa sensação de quem estabelece metas e as cumpre.
Posso te garantir que essa sensação, a de ser, é muito mais prazerosa do que a sensação de ter.

Se você leu tudo isso e se convenceu que precisa fazer alguma coisa, mas se sente insegura ou perdida, eu posso te ajudar. Sou especialista em gestão de pequenas e médias empresas e finanças pessoais.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here