A força da aliança feminina do agronegócio brasileiro

13
3400
A força da aliança feminina
A força da aliança feminina do agronegócio brasileiro

A participação da mulher no agronegócio cresceu 8,3%, mas ainda existem muitos desafios a serem superados

A força da aliança feminina do agronegócio foi evidenciada na última segunda-feira (26/10) no 5º Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio.

Na oportunidade a ministra Tereza Cristina que participou do Congresso reforçou que o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento vêm trabalhando para estimular a organização das mulheres no campo.

A Ministra ainda lembrou que no Brasil 19% dos estabelecimentos rurais são dirigidos por mulheres, segundo o Censo Agropecuário 2017, do IBGE.

Muito embora haja um tímido progresso sobre a participação da mulher no agronegócio, o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq/USP registrou aumento de apenas 8,3%, do total de mulheres que trabalham dentro e fora da porteira para o setor, concentrando a maior parcela na Região Nordeste com 57% e apenas 6% no Centro-Oeste.

Todavia, esse número não intimidou as empresárias e produtoras rurais Tânia e Vandete Maldaner, e as advogadas Marcela Pitombo e Maria Cristina Caregnato, sócias fundadoras da Aliança Rural Consultoria, que conta ainda com a essencial participação societária do agrônomo e agricultor Joel Maldaner e do Engenheiro Ambiental Paulo Bueno.

A empresa de produtores rurais, atuantes há mais de 30 anos na região Centro-Oeste, com propriedades no município de Cabeceira Grande/MG e na Zona Rural do Distrito Federal – PAD-DF, surgiu da própria necessidade em obter serviços eficientes no mercado de consultoria e assessoria especializada, visando oferecer a segurança necessária para o produtor desenvolver o seu negócio.

Defensoras ferrenhas do agronegócio, as empresárias traduzem a missão da Aliança Rural como a ideia de enfrentar os desafios ao lado do produtor rural (de produtor para produtor!) buscando soluções multidisciplinares e inovadoras para contribuir e defender os interesses do setor, com confiança e credibilidade para resolver as questões junto ao Poder Público.

“O nosso diferencial está na confiança! Nós entendemos as dificuldades e os entraves enfrentados pelo produtor, além de saber onde e como trazer uma solução rápida e eficiente”, afirmou a sócia e produtora rural Vandete Maldaner, Diretora Técnica e Acadêmica da empresa.

A força da aliança feminina
O engenheiro ambiental Paulo Bueno, Maria Cristina Cargenato e Marcela Pitombo e os irmãos Tania, Joel e Vandete Maldaner

Partindo dessa premissa, a empoderada aliança traz um novo conceito na prestação dos serviços oferecidos, através de um trabalho altamente qualificado e personalizado, desenvolvendo alternativas, planejamentos e soluções inteligentes e estratégicas junto ao produtor, para atender as demandas e necessidades diárias do seu público alvo.

Além disso, a empresa incorpora a ideia avançada de função social, englobando também a preocupação sob a perspectiva da sociedade em relação às decisões, reflexos e imagem sobre o agronegócio brasileiro, objetivando desempenhar o papel institucional que abarca uma atuação pautada em princípios éticos, morais e sustentáveis.

A Diretora de Assuntos Institucionais e Estratégicos da Aliança Rural Consultoria, Maria Cristina Caregnato, lembra que o agronegócio é a verdadeira locomotiva do país responsável por mais de 50% das exportações, e que só a cultura da soja em grãos gerou U$ 3,61 bilhões em receitas para o Brasil.

Ainda há um longo caminho a ser percorrido, e existem muitos desafios a serem superados, tanto pelo aumento do espaço das mulheres no setor, como no reconhecimento adequado ao serviço que o agronegócio presta para o Brasil e para o mundo.

É tempo de avançar e olhar para o futuro com o agro e pelo agro!

Referências:

 

13 COMENTÁRIOS

  1. Muito bom ver o engajamento e a energia da nova geração de mulheres empresárias e produtoras rurais investindo no agronegócio brasileiro, essa safra de mulheres sem duvida é o futuro do país. Parabéns.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here