O menino precoce que gosta de falar inglês e russo!

1
4511
O menino precoce
O menino precoce que gosta de falar inglês e russo!

O que fazer quando a criança é precoce e não tem um diagnóstico?

O menino precoce é filho de uma mãe muito comprometida, que se dedica em buscar ajuda para lidar com as habilidades de seu filho.

Para crianças que ainda não foram diagnosticadas, recomendo que as famílias ajudem na identificação por meio de relatórios de rotina com atividades que a criança costuma realizar no dia a dia.

Estas atividades descritas em um relatório realizado pela própria família ajudará na identificação até que ela tenha acesso a profissionais capacitados que farão um diagnóstico acurado.

No caso, do menino precoce em questão, também recomendo que a família observe suas áreas de interesse e oferte atividades lúdicas que ajudarão no desenvolvimento cognitivo, afetivo e na interação social.

O diagnóstico deste menino precoce ou de qualquer outra criança com indicativos de superdotação não deve estar pautado somente no teste de inteligência, mas também por meio do relato da família, dos professores, entre outros profissionais capacitados.

Afirmo que o diagnóstico de superdotação ou de outra necessidade educacional especial pode ajudar muitas crianças em vários sentidos.

No caso da superdotação, o tempo é importante. O diagnóstico pode ser impreciso antes dos 6 anos de idade. Um diagnóstico sem precisão pode trazer muitos prejuízos para a educação das crianças, das famílias e profissionais que irão trabalhar com ela.

As famílias de todas as crianças, superdotadas ou não, devem oferecer a oportunidade para que as elas explorem seus interesses e aprendam com motivação!

Em relação ao menino precoce em questão, sua mãe relatou que de acordo com a escola existe a possibilidade dele apresentar o transtorno do espectro autista.

Ela relata que se ele realmente apresentar autismo, a escola poderia até ajudá-lo a ser encaminhado a um atendimento especializado.

Porém, se ele apresentar somente superdotação, não seria possível encaminhá-lo a um atendimento para desenvolver suas altas habilidades, relatou a mãe.

De acordo com Cátia, mãe do menino precoce, com apenas 2 anos e 3 meses aproximadamente, ele começou a reconhecer as letras e os números!

Ele sabe formas geométricas e diversas cores! Com aproximadamente 3 anos e meio já sabia todos os estados e capitais do Brasil, entre outros países.

Entre as habilidades que João apresenta, sua inteligência linguística se refere não apenas à capacidade oral, mas também a outras formas de expressão, como a escrita ou mesmo a gestual.

Sua inteligência espacial-visual está ligada à percepção visual e espacial, à interpretação e criação de imagens visuais e à imaginação pictórica. Ela permite que as pessoas compreendam melhor informações gráficas, como mapas.

As habilidades deste menino precoce chamam muito à atenção de todos que assistem aos seus vídeos e principalmente daqueles que convivem com ele!

Contato: Instagram: @fheller2904

Acesse e siga o blog de educação superdotados: https://www.educacaodesuperdotados.com/?m=1

Clique aqui e acesse, curta e compartilhe minhas outras matérias

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here