Dia do Empreendedorismo feminino: A mulher em cada Empreendedora

0
42862
Dia do Empreendedorismo feminino
Dia do Empreendedorismo feminino- A mulher em cada Empreendedora

Somos Guerreiras, mas estamos exaustas!

Dia do empreendedorismo feminino – Não posso deixar de me orgulhar de todas as mulheres que também escolhem esse caminho.

Como costumo dizer nas minhas palestras “os homens matam um leão por dia, nós mulheres, matamos, cozinhamos e ainda lavamos a louça”.

Quando falamos de mulheres empreendedoras, falamos de mulheres que têm jornadas duplas, triplas, até quádruplas de trabalho entre afazeres domésticos, filhos, trabalho remunerado e outros.

O estereótipo de mulher guerreira muitas vezes corrobora com o silenciamento do sofrimento de mulheres que são trabalhadoras, mães e esposas.

É preciso lembrar que existem seres humanos por trás das figuras destemidas, pois guardam seus problemas no bolso toda vez que alguém querido precisa de ajuda.

Principalmente no período de pandemia, não há quem não tenha se sensibilizado. Precisamos cuidar de nós mesmas, e com base na minha própria experiência, posso dizer que é muito fácil esquecer disso.

Desde o momento em que tomo um café ou vou fazer a unha, acabo me preocupando com o trabalho, prestando atendimentos, respondendo e-mails ou até concluindo o módulo de um curso.

Muitas vezes, em momentos para recuperar o fôlego, preciso de disciplina para me deixar relaxar e relembrar que não precisamos ser 100% a todo momento, não há problema em permitir a si mesma baixar a guarda e demonstrar (mesmo que pareça demais aos olhos de quem não sentiu).

Pode ser difícil, também, por outros laços nas entrelinhas da sociedade, como quando um momento de descontrole resulta em julgamentos e comentários desagradáveis comumente associados às mulheres apenas para descredibilizá-las.

Infelizmente, é corriqueiro ouvir coisas como “deve estar de TPM”, “está histérica?” ou “surtada” após momentos delicados, não apenas de homens.

Crenças como essas, que constrangem a maioria – senão todas – as mulheres, são reproduzidas sem percepção de seu real peso. Não podemos romantizar ou banalizar um pedido de ajuda, mas sim ouvir e valorizar para dar força!

Existe uma grande sobrecarga sobre a mulher que empreende, cuida da casa, da família e ainda busca evolução.

A palavra de uma mulher molda mentes, e somos nós quem podemos mudar nosso comportamento em direção à liberdade, com empatia.

Eu convido você, mulher empreendedora, mãe, esposa e filha, a libertar seus sentimentos e sonhos, aceitando e encorajando-os com sororidade e apoio de suas colegas e admiradoras incluindo eu!

Pausar sem se culpar pode ser um desafio, mas é necessário! Já chegou o momento de olhar para dentro e separar um tempo para esse cuidado. A vida está passando, então te pergunto, como você está?

Eu acredito que uma mulher forte e poderosa também é uma mulher difícil, pois tem suas dores, lutas e histórias. Portanto, vamos dar as mãos, apoiar e, principalmente, falar!

Precisamos cuidar de quem está ao nosso lado, mas nunca esquecer quem está dentro. Feliz dia da empreendedora (Dia do Empreendedorismo feminino), porque o nosso dia é todo dia.

Clique aqui e acesse, curta e compartilhe minhas outras matérias.