Dicas para abrir um negócio no mercado pet

0
151
Mercado Pet

Pensando em abrir um negócio no mercado pet? O segmento tem se destacado e se mostra cada vez mais atrativo para quem busca empreender mesmo diante de um cenário político e econômico turbulento.

No entanto, é preciso cautela, por isso, gostaria de compartilhar seis dicas de como se destacar hoje em dia!

1) Saia do comum.

Pet shops e agropecuárias podem ser bons negócios, mas se for para seguir o padrão das lojas atuais no mercado não há muita inovação ou ofertas diferenciadas para oferecer ao cliente. Já pensou se no lugar do banho e tosa, ou hotel para cachorros, você abrir uma farmácia de manipulação veterinária?

Hoje em dia, mesmo não sendo farmacêutico ou veterinário é possível montar a sua através do sistema de franquias, por exemplo! Você receberá suporte e know-how.

Mas lembre-se, na hora de escolher a sua franquia, analise bem, entre em contato com franqueados da rede para ver o que eles estão pensando do negócio, veja se o modelo e o investimento lhe atraem! Ou seja, pesquise, visite as lojas, tire todas as dúvidas antes de investir!

2) Esteja comprometido a seu negócio

Seu engajamento é fundamental para o crescimento do negócio. Converse com seus clientes diretos e indiretos, conheça a fundo todos os procedimentos da empresa.

Se necessário, chegue cedo, saia tarde, acredite, seu negócio depende de você e todo o gás injetado é fundamental.

3) Conheça as suas potencialidades

Se você é comunicativo use esta ferramenta ao seu favor, dedique-se a conversar e relacionar-se com seus clientes, ouvir os tutores dos animais para saber o que oferecer a estes para atrair mais vendas ao negócio.

Se você é mais tímido, não hesite em contratar alguém com perfil comercial!

4) Capacite-se

Capacite-se para que suas fraquezas não venham a interferir no seu dia a dia, é importante saber realizar todas as atribuições de forma clara e sem medo.

Acompanhe de perto seu desempenho e meça seus indicadores para que intervenções possam ser realizadas a fim de melhorar os resultados.

5) Acredite!

Mesmo que fases desanimadoras, decisões tomadas erradas ou comentários desagradáveis possam vir a desestimular, continue acreditando em seu negócio e na sua causa!

Levar mais amor e saúde aos animais proporciona bem-estar a toda a família do pet!

Lembre-se, não seja a vítima. Crie soluções e não problemas!

6) Ame os animais

Pense no seu consumidor, os tutores são considerados pais e mães de animais, e para seu negocio poder crescer de forma ainda mais orgânica, ame de verdade os animais!

O encantamento e carinho destinados ao pet quando se ama o que faz surgem naturalmente e fidelizam os clientes!

Escute o tutor, atenda-o sem pressa e se coloque no lugar deste nos momentos felizes e difíceis que este possa vir a estar passando com seu “filho”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here