Mundo da Lua uma das características de um Esquizoide

0
467
Mundo da Lua
Mundo da Lua uma das características de um Esquizoide

Como forma o traço de caracteres Esquizoide

Mundo da Lua, esse artigo é para você que possui este comportamento. Hoje vou falar sobre o traço de caráter Esquizoide!

O formato do corpo com traço de caráter Esquizoide, que explica como a mente dele vive no Mundo da Lua.

Falar o nome Esquizoide faz muita gente falar: “O que é isso? É uma coisa ruim, uma coisa boa de comer?”

O traço de caráter Esquizoide é o primeiro que é formado desde a gestação e se desenvolve ao longo da vida de uma pessoa trazendo medos básicos e ao mesmo tempo muito potencial e muitos recursos interessantes.

Esse traço foi formado na barriga da mãe durante a gestação, na época em que a criança ficava no útero e não tinha muito o que fazer.

A interação dele, o mundo dele era somente aquele útero. Quando o útero ficava ruim ele não sabia muito bem como lidar com aquilo, ele simplesmente sentia que o mundo dele ficava pior e conforme a criança se mexia, aquele útero ficava ruim.

Nessa hora essa criança começa a sentir que toda vez que se mexe, que existe, o mundo dela piora.

É como se o mundo “útero” não gostasse dela, como se o útero não gostasse da presença dela. É como se o útero estivesse rejeitando ela.

Conforme o Esquizoide vai se formando, ele se mexe e com esse movimento ele existe, aquele útero fica ruim na hora que ele mexe.

A criança começa a sentir que toda vez que existe, toda vez que se mexe é como se o mundo não gostasse da presença dele, como se estivesse o rejeitando.

A criança não tem recurso ali, não pode chorar, não pode correr, não pode brigar, só resta a ele se desligar e ficar no mundo da lua, se desligar, focar a energia dele no cérebro e não no corpo.

Para se proteger desse sentimento a única coisa que resta para ele é desligar e ficar no mundo das ideias, o mundo da lua, pensando em alguma outra coisa, sei lá em que!

Assim a gente observa que a criança começa a passar muito mais tempo no pensamento do que com o próprio corpo, pois vai que o corpo se mexe e ela se sente rejeitada de novo.

Então essa criança desenvolve esse trauma durante a gestação e quando ela cresce ela carrega esse trauma dentro do sistema nervoso dela, que vai funcionando e moldando o corpo para ser o mais fino possível, menor possível.

Bem na pegada da Sobrevivência, sabe…

O Esquizoide veio dessa sobrevivência: “a hora que eu acabei de chegar alguém já não me quer, então eu preciso me encolher”.

Logo, ele interpreta que precisa fazer o mínimo barulho possível, o mínimo de movimento possível, o mínimo de tudo possível.

“Eu preciso ser o menor possível no meu corpo para não incomodar o mundo”, porque senão o mundo vai me rejeitar” by Esquizoide

Só que não tem só parte ruim nessa história. Então, qual é a parte boa? A parte boa é chamada de recurso!

A parte boa desse esquizoide é justamente por ele ter passado muito tempo ali no mundo das ideias, nesse mundo da lua, que ele acaba desenvolvendo uma capacidade criativa, imaginativa e lógica muito grande.

São pessoas que ao longo da vida vão ser as que precisam entender racionalmente as coisas. Elas não são muito das sensações, do sentir, elas são realmente pessoas voltadas ao pensamento.

Por exemplo, se você quiser criar alguma coisa não existe ainda que precise de muita criatividade, o esquizoide é maravilhoso para isso, porque fica imaginando coisas que teoricamente não é impossível de acontecer e o esquizoide fica fazendo isso o tempo inteiro.

Eles costumam fazer isso com tanta clareza que muitas daquelas ideias fora da caixinha servem para criar coisas novas do zero aqui nesse mundo que realmente existe.

Então esse recurso do esquizoide é muito legal, muito interessante.

Falando do corpo do esquizoide, lembra que eu disse que ele tem que ser o sobrevivente?

Então ele vai ser um copo bem “esmirradinho”, meio que desmontado, cheio de quina, porque ele não quer contato com as pessoas.

Ele é uma pessoa que as articulações são bem ressaltadas.

Você vê aquele osso aparente. Tem um olho bem ressaltado para fora. Tem gente que chama de esbugalhado, aquele olhão redondão meio que para fora.

Ele tem uma carinha mais assustada, do tipo: “não mexe comigo, não chega muito perto que eu não gosto”

Um exemplo ótimo de Esquizoide é por exemplo o seriado The Big Bang Theory.

Sheldon Cooper é alto, magro, todo desengonçado…

Sheldon Cooper - Esquizoide
Sheldon Cooper – Esquizoide

Tem aquelas perninhas bem finas, aquela cabeça grande e aquele olho grande e esbugalhado.

Temos o Stephen Hawking, se você olhar fotos dele desde quando era mais novo você consegue ver as características daquele corpo bem esquizoide.

Stephen Hawking
Stephen Hawking Esquizoide

No filme Divertidamente temos o personagem do Medo, que representa com muita propriedade o querido Esquizoide, demonstrando de forma caricatural como é o formato do corpo da mente Esquizoide!

Medo esquizoide
Medo esquizoide – Filme Divertidamente

Bom isso é só um pouquinho do que acontece nessa característica de quem vive no mundo da lua, de acordo com as teorias já explicadas no artigo.

Você conhece alguém assim? Será seu marido, esposa, namorado(a), filhos? Já imaginou que maravilha você compreender que cada um é do jeito que tem que ser e aprender a respeitar e a “lidar” com o jeito de cada um, trazendo à tona todos os recursos? Vocês não têm noção de como isso pode mudar a vida das pessoas positivamente.

Acompanhe os próximos artigos e minhas redes sociais para saber um pouquinho mais de como ele funciona e sobre todos os outros traços que trarei para vocês aqui na revista aEmpreendedora.

Não esqueça de compartilhar com um amigo bem magrinho e contar para essa pessoa que ela tem recursos maravilhosos dentro da mente e está tudo bem ser assim!
Continue comigo se você quiser conhecer os outros traços de caracteres como: oral, psicopata, masoquista e rígido.

Obrigada meus amores! A gente se vê no próximo artigo! Comenta aqui o que achou, mesmo que seja para discordar.

Grande beijo!

Clique aqui e acesse, curta e compartilhe minhas outras matérias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor insira seu nome aqui