Ouvir a própria voz é desafio ou conforto para você?

Voz é marca registrada! Chaves para modelar sua voz e inspirar na comunicação

Ouvir a própria voz pode ser um desafio para muita gente! Você sente conforto em ouvir a própria voz gravada ou evita enviar áudios?

E se, por algum acaso, este alguém que não quer ouvir for você? Ouvir a própria voz pode causar um desconforto em muitas pessoas.

Aprendemos com a vida que nem todos os pensamentos precisam saltar pela boca e aprendemos a escolher as melhores palavras, o melhor momento ou melhor ambiente, mas como escolher a melhor voz?

Parece até estranho pensar na voz, na altura, na velocidade das palavras quando estamos no meio de uma conversa, mas nosso cérebro processa tudo isso na velocidade da Luz – desde a infância nos tornamos hábeis em perceber e interpretar padrões.

O reconhecimento da expressão é empírica, espontânea e por vezes (muitas vezes) errônea.

Tentativa e erro no reconhecimento da linguagem é uma prática longeeee de ter fim, e para podermos progredir armazenamos em nosso banco de memórias os padrões de maior sucesso e generalizarmos estas probabilidades em outras vivencias, mas como validar a única voz que ressoa diferente a nossa percepção: A nossa?

A autofonia ou plenitude auricular (ouvir a própria voz) pode ser extremamente incomoda podemos dizer que o jeito que o nosso cérebro decide interpretar estes sons pode não ser o mais gentil.

Aceitar a própria voz então é o primeiro grande passo para conseguir a satisfação ou até mesmo modificar o que não agrada.

Frequentemente encontro mulheres dizendo que a voz parece agressiva de mais ou que ela não consegue se impor; daí te pergunto: “Quem foi que te disse que a voz serviria para isso?!”

Exatamente, as memórias que você adquiriu desde a infância; não é algo que você perceba, mas é algo que você é capaz de reconhecer e generalizar!

Sabendo disso, quero te fazer um convite:

  • Por que não usar esta força, potência ou singeleza a seu favor?!
  • Por que não modelar sua voz para que gere os efeitos que você deseja ou espera?

O branding vocal, é a arte de se ouvir, se orientar e revelar a própria voz ao mundo com mais consciência e segurança; surgiu justamente deste desejo de melhorar a capacidade de interpretar a voz e principalmente, de favorecer o falante em seu desejo sincero de sucesso já que o sofrimento de ser mal compreendido cria muitas dores e marcas.

Não, não podemos zerar todos de ruídos na comunicação, mas sim, podemos ampliar as possibilidades de assertividade e para tanto, vou trazer a vocês algumas sugestões simples para modelar sua voz para melhorar suas habilidades vocais e consequentemente sua comunicação!

Coloque suas mãos como uma concha atrás da orelha e ouça sua própria voz contando de 1 até 10

Classifique sua voz:

  • Alta ou Baixa;
  • Rápida ou Devagar;
  • Fina ou Grossa

Inspire profundamente e conte no cronometro quantos segundos (sem forçar a barra) você leva para emitir o fonema S e depois quantos segundos para emitir o fonema Z. Compare qual deles é o maior e perceba se houve força ou não. Guarde esta informação.

Grave uma história que você escolher por um minuto e perceba o movimento das suas sobrancelhas, lábios, inclinação de cabeça e braços. Classifique numa escala de 1 a 10 sendo 1 menos intenso e 10 mais intenso.

Estas sugestões de tarefas ajudam na autopercepção da sua oratória e eloquência.

Pondere consigo mesma se as suas percepções são verídicas ou se estão exageradas ou minimizadas com o que de fato são e, claro, leve o tempo que levar para Decidir se você vai continuar analisando ou se você fará algo para melhorar a maneira como os outros te entendem.

Dica extra:

  • Não termine sua fala ou texto dizendo: “Era isso, preparei o mínimo para vocês entenderem, tem muito mais conteúdo do que este que eu falei etc.”;
  • Termine com frases poderosas que reforce o que você disse, module sua voz num tom de conforto para você, mas que esteja de acordo com seu arquétipo vocal;
  • Sorria e seja fluído com seus gestos (sobrancelhas e mãos).

Se sua voz era um tabu, de agora em diante será uma ferramenta para que você conquiste seu melhor lugar ao sol ou na chuva, dependendo apenas do seu momento e do seu contentamento.

A você, desejo um show de VOZ!

Clique aqui e acesse, curta e compartilhe minhas outras matérias.

Compartilhar

Facebook
Twitter
LinkedIn
Email
Telegram
Pular para o conteúdo