Você tem cabeça de CNPJ ou cabeça de CPF?

0
10379
cabeça
Cabeça de CNPJ ou cabeça de CPF

É preciso analisar se você tem uma empresa ou criou um emprego

Você tem cabeça de CNPJ ou cabeça de CPF? Empreender é um desafio diário, agora muito mais acentuadas por conta da pandemia, que os empreendedores precisam enfrentar constantemente para permanecerem no mercado.

Mas, além das adversidades propostas pelo entorno, é preciso superar alguns obstáculos pessoais. Muitas vezes sou indagada sobre como alguns empresários dentro do mesmo segmento, cidade e até mesmo bairros terem resultados tão diferentes uns dos outros.

Após muita pesquisa buscando entender essa grande diferença entre sucesso e fracasso pude concluir que essa disparidade não está no produto em si ou no mercado onde está inserido, mas sim no próprio empreendedor e sua visão de negócio.

É preciso antes de tudo entender se você criou uma empresa ou um emprego. Uma boa forma de saber é entender quanto tempo a sua empresa consegue funcionar gerando bons resultados sem a presença do empreendedor?

Caso a resposta seja nenhum dia ou uma semana você criou uma ocupação ou um subemprego, o qual você muitas vezes tem que trabalhar mais de 10h por dia, precisa estar o tempo todo conectado na operação e mesmo assim não consegue um retorno financeiro significativo.

Quando olhamos para empresários que tem mais de uma empresa podemos notar que o formato é diferente, mas o que será que é realizado que muda tanto?

Primeiramente, acredito que o grande diferencial é ser um bom líder e a liderança desse novo mundo está pautada em dois pilares:

  • Humanizada – preocupada com o trabalho a quatro mãos mirando o crescimento das pessoas que integram o time;
  • Por Resultados – comprometido no planejamento, no cumprimento de meta e no acompanhamento de resultados e processos.

O grande diferencial de quem tem cabeça de CNPJ é saber que não precisamos saber de tudo, mas precisamos e podemos ter ao nosso lado pessoas que consigam suprir essas deficiências, além disso, também precisam definir processos rígidos que garantam a qualidade final ao cliente.

E aí está pronto? Qual sua cabeça então?

Cabeça de CNPJ ou cabeça de CPF?

Deixe seu comentário abaixo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor insira seu nome aqui