Afinal, o que Querem as Mulheres?

Se querer é sonhar, é desejar, é realizar, então as mulheres querem tudo; do onírico, ao poético, da dura realidade que não é justa e igualitária aos sonhos romanceados e apaixonados.

Das lagrimas salgadas do desespero passado aos sorrisos das lembranças do presente e anseios para um futuro melhor e desenhado.

Ser Jardim secreto e flor, ser jarro perfumado, ser amante e esposa, mãe e avó sem se esquecer da artista empresaria, cientista e criativa da sua própria estrada iluminada de Sol, Luz, água, ventos, tempestades e muito Amor festejado!

Esse tipo de Amor muito especial que pertence ao Céu, se torna incondicional, como uma marca cósmica, uma infinita lagrima de alegria e um abraço sem fim.

O mais difícil disso tudo é se descobrir, se aceitar com todas as delicadas qualidades e defeitos, principalmente discernir em meios às tempestades do nosso coração.

Afinal nós Mulheres queremos ser rainhas, amazonas, guerreiras, presidentes, ministras, jornalistas, cientistas, professoras, médicas, astronautas, artistas, poetisas e musas, simplesmente tudo ou nada!

Copos de leites, pele leitosa, macia perfumada, ser o côncavo e o convexo, nas noites mal dormidas. Belas elegantes profissionais e exuberantes musas cobiçadas.

Ah se nem Freud consegue explicar o AMOR! Para mim a Mulher está mais próxima da frase de Honoré de Balzac:

“o amor é a poesia dos sentidos. Ou é sublime, ou não existe. Quando existe, existe para todo o sempre e aumenta cada vez mais”.

Somente o amor nos transmite, nos ensina, nos transcende. E o Amor é mais forte que tudo, mais forte que a Morte.

Segundo Jean Molière:

“O Amor é um Mestre admirável que nos ensina a sermos o que nunca fomos; e, muitas vezes, com as suas lições, mudam completamente, num instante, os nossos costumes”.

Eu diria que o AMOR pode tudo! Ele é o estimulo e o desafio, é a revelação e a elevação!

Afinal o que desejamos?

A Chave que abre tudo: o Amor, a Felicidade, o Sucesso, o Reconhecimento, um Mundo mais justo, irmãos da Justiça, Liberdade, Igualdade, Fraternidade e Solidariedade.

Compartilhar

Facebook
Twitter
LinkedIn
Email
Telegram
Pular para o conteúdo